Carboidrato como redutor da fadiga muscular

Imagem: funlifefitness

  • Os carboidratos desempenham importantes funções energéticas para o nosso organismo, sendo uma ótima fonte de energia para a contração muscular, durante o exercício prolongado. Em exercícios anaeróbios, como treinamento de força, possui ação ergogênica, ou seja, melhora as diferentes formas de rendimento desportivo, aumentando a eficiência, assim como o da produção de energia, aumentando, desta forma, a performance.​​​​​​​​​​​ Sendo assim, uma alimentação com um teor de carboidratos adequado antes da prática de exercícios físicos auxilia no aumento dos níveis de glicogênio muscular e hepático. Pelo seu limitado estoque, justifica-se então a reposição de carboidratos. Pois, o glicogênio e a glicose sanguínea contribuem na manutenção da glicemia sanguínea e na oxidação destes substratos.

    Consequentemente, é uma estratégia nutricional que tem comprovado valiosos resultados na redução da fadiga durante exercícios prolongados. ​​​​​Assim, como a reposição de carboidratos em exercícios longos, faz-se necessário à de eletrólitos.

    Pois durante esforços de alta duração, além da diminuição dos níveis de glicogênio muscular, muitas vezes é acompanhada de desidratação, pela elevação da temperatura corporal. Desta forma, podendo resultar em uma hipoglicemia ou desidratação acompanhada da fadiga muscular. ​​​​​​Em relação a isso, o uso de suplementos líquidos a base de glicose, sacarose ou maltodextrina combinados com eletrólitos em dosagens adequadas durante o esforço físico, pode contribuir de forma significativa para a resolução da maioria desses problemas. ​​​​​​​​

    Portanto evidenciando que, juntamente com o treinamento físico, uma alimentação balanceada, pode proporcionar resultados positivos das reservas de glicogênio muscular, e desta forma, tendo a melhora da fadiga muscular; acentuando ainda o processo de ganho de massa muscular (hipertrofia).

Texto: Q4 Nutrição

  • DE LIMA, Girleide Gomes; DE BARROS, Josué José. Efeitos da suplementação com carboidratos sobre a resposta endócrina, hipertrofia e a força muscular. RBPFEX-Revista Brasileira de Prescrição e Fisiologia do Exercício, v. 1, n. 2, 2011.
    CYRINO, Edilson Serpeloni; ZUCAS, Sérgio Miguel. Influência da ingestão de carboidratos sobre o desempenho físico. Revista da educacao fisica/UEM, v. 10, n. 1, p. 73-79, 1999.
    LIMA-SILVA, Adriano Eduardo et al. Muscle glycogen metabolism during exercise: mechanism of regulation. Revista de Nutrição, v. 20, n. 4, p. 417-429, 2007.
    LANCHA, A. H.; FERRAZ, P. L. C.; ROGERI, P. S. SUPLEMENTAÇÃO NUTRICIONAL NO ESPORTE.- Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2014. .
    BACURAU, R. F. NUTRIÇÃO E SUPLEMENTAÇÃO ESPORTIVA- 5.ed.- São Paulo: Phorte, 2007.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA COM ATENÇÃO

O seu comentário é super importante para nós e estão abertos para todos. porém alguns critério devem ser seguidos. Não aceitamos:

- Comentários ofensivos.
- Spams.
- Comentários sem relação alguma com o conteúdo.
- Comentários duplicados.

Caso não respeitar as regras acima, o comentário será apagado pelos administradores do blog.

Instagram